Westerlo - remediação full scale de BTEX no solo e na água subterrânea

Conduzimos uma remediação em uma área da Seveso em Westerlo na Bélgica, altamente impactada por Xilenos. O solo e água subterrânea mostravam altos níveis de concentrações em duas antigas áreas produtivas. A abordagem da remediação se baseiou em biopilhas on-site do solo na zona vadosa e não saturada, e biorremediação aeróbia in-situ do solo e água subterrânea na zona saturada.

Especificações

Localização Westerlo, Bélgica
Cliente Confidencial (multinacional)
Duração Q3 2016 - Q3 2021
Contrato Contrato de risco
Contaminação BTEX (Mais alta: Xileno)
Técnicas Biopilhas Ativas e Biorremediação Aeróbia In-Situ
Instalação
  • Sistema de tratamento biológico de água subterrânea (20-25 m³/hr)
  • Sistema de tratamento biológico de ar, bioscrubber, filtro de compostagem & GAC)
  • Depósitos das Biopilhas (de 500m³ até 5.000m³)
  • Unidade sopradora (500 m³/hr para bioventing)

Em números

Valor do projeto > 1.800.000 €
Volume de solo > 18.000 m³ (landfarming)
Concentração
no solo
na água
Máx. conc. Valor de remediação a ser atingido Status
> 25.000 mg/kg 379 mg/kg.ds Xileno Em andamento
89.000 µg/l 5.320 µg/l Xileno Início 2018
Número de poços 75 poços de injeção e extração
100 poços de biosparging

Especificações

Tratamento do solo: Biopilhas Ativas & Escavação

In-situ: Biodegradação Aeróbia, Bioairsparging, Remoção (D/L)NAPL, Pump & Treat e Extração de Vapor do Solo

Sistema de tratamento: Tratamento Biológico da Água Subterrânea e do Ar

Contaminação: BTEX & óleos minerais

Galeria


Whatsapp Greensoil Group Whatsapp Greensoil Group